• Seu pedido discreto

    Cuidado e discrição no seu pedido e fatura

  • Frete grátis para todo Brasil

    Nas compras a partir de R$250

  • Proteção de Dados de Cientes

    Os seus dados estão seguros conosco

Saiba tudo sobre o Pé de Atleta

Pés que ficam sufocados dentro de sapatos apertados e meias durante o dia todo podem estar no ambiente perfeito para a infecção fúngica chamada pé de atleta. A condição recebeu esse nome porque geralmente ocorria em atletas que sofriam de inflamação da pele do pé. Mais tarde, percebeu-se que a infecção fúngica nos pés pode ocorrer em atletas e não-atletas cujos pés tendem a ficar úmidos ou suados por muito tempo. Se você começar a observar sintomas da infecção fúngica em seus pés, um diagnóstico irá ajudá-lo a confirmar e descobrir a causa real por trás dele. Felizmente, na maioria dos casos, você pode tratar o pé de atleta em casa, usando uma medicação antifúngica tópica natural e seguindo uma boa rotina de higiene dos pés.

Como reconhecer os sintomas de pé de atleta?

A infecção pode aparecer na pele entre os dedos, nas solas, nas laterais ou nas unhas dos pés. Você pode não experimentar todos, mas apenas um ou mais dos seguintes sintomas:

Sintomas Comuns Sintomas Raros
Vermelhidão, coceira e irritação entre os dedos dos pés. Pele com marcas e riscos.
Descamação da pele. Se deixada sem tratamento, a irritação pode passar para as palmas das mãos.
Se deixada sem tratamento, a irritação pode passar para as palmas das mãos. Irritação escamosa, semelhante a eczema.

É importante saber que qualquer tipo de infecção fúngica, incluindo o pé de atleta, tem tendência a se espalhar para o resto do pé e também para outras partes do corpo. Por esse motivo, você deve começar a tratar a condição assim que notar os sintomas acima.

Como é diagnosticado?

Os sintomas do pé de atleta são facilmente reconhecidos e visíveis. Em alguns casos, pode ser necessário visitar um dermatologista, que pode raspar a pele e realizar testes para determinar se os fungos do pé do atleta estão presentes.

O que causa pé de atleta?

O pé de atleta é causado por parasitas da pele chamados dermatófitos, que se alimentam de outros organismos para sobreviver. Dermatófitos são geralmente divididos em três grupos:

Geófilo
fungos que preferem a terra

Zoófilos
fungos que preferem animais

Antropófilos
fungos que preferem pessoas

O fungo antropófilo causa o pé de atleta, especificamente Microsporum, Epidermophyton e Trichophyton, que são responsáveis por 90% de todas as infecções por micose e pé de atleta. A maioria de nós, sem saber, carrega esses fungos em nossos corpos, pois eles normalmente residem nas células mortas da pele. Eles são inofensivos e passam despercebidos. No entanto, florescem em ambientes quentes e úmidos - por exemplo, quando você usa um sapato apertado ou não seca adequadamente os pés depois de tomar banho ou nadar. Então, quando estão em ambiente fértil e têm oportunidade de se reproduzir, eles podem provocar o pé de atleta.

Como você já sabe, essa é uma infecção contagiosa da pele, que pode ocorrer tanto em crianças quanto em adultos. O fungo pode se espalhar facilmente para outra pessoa pelo mero contato da pele saudável com a área infectada, bem como ao compartilhar ou tocar os pertences de uma pessoa com a infecção. No caso de atletas e entusiastas fitness, pode-se contrair a infecção nos chuveiros ou nas instalações de vapor e sauna também. O pé de atleta também pode levar ao fungo de unhas.

Como prevenir a propagação do pé de atleta?

Como o pé de atleta é altamente contagioso e muito comum, é sempre aconselhável tomar medidas preventivas para reduzir o risco de contrair a infecção.

  • Os fungos causadores do pé do atleta ficam mais à vontade em ambientes quentes e úmidos, então uma medida preventiva que você pode tomar é garantir que seus sapatos sirvam perfeitamente e que seus pés tenham espaço de sobra para respirar.
  • Lave os pés todos os dias e lembre-se de deixá-los secar corretamente antes de colocar sapatos e meias. Você deve usar uma toalha específica para secar os pés, para que a infecção não seja transmitida. Não compartilhe toalhas. Você pode usar um sabonete especial, como o Sabonete de Manuka.
  • Use meias feitas de algodão ou lã e troque-as pelo menos duas vezes ao dia. Não use meias úmidas.
  • Evite usar sapatos feitos de materiais sintéticos. Sapatos de couro e sandálias são melhores para os seus pés.
  • Use pó antifúngico no interior de seus sapatos e talco nos pés para absorver a umidade.
  • Use um remédio botânico natural para tratar o pé do atleta. Temos alguns tratamentos recomendados disponíveis no ShytoBuy, como o Kit para Fungos nos Pés e Unhas Manuka.

Como se livrar do pé do atleta?

Se você detectou sintomas de pé de atleta, não se preocupe! Nos estágios iniciais, com os devidos cuidados, você pode esperar que os sintomas desapareçam com o tempo. Mas, por ser altamente contagioso, é importante usar tratamentos médicos ou naturais de qualquer maneira para lidar com a infecção o mais rápido possível.

Se o seu pé de atleta for leve, seu médico pode sugerir o uso de cremes antifúngicos, sprays e cremes disponíveis com ou sem receita médica. Em geral, isso funciona bem, mas sempre recomendamos uma abordagem natural, já que você pode obter o mesmo efeito com medicamentos mais suaves e livres de substâncias químicas. Os tratamentos antifúngicos naturais atuam impedindo o crescimento do fungo que causa o pé de atleta com propriedades curativas de seus ingredientes à base de plantas. Eles geralmente podem ser usados da seguinte maneira:

  • Aplique o produto diretamente na pele afetada e na área ao redor.
  • Lave e seque a pele afetada antes de aplicar o produto e limpe suas mãos depois.
  • Continue o tratamento após a erupção ter desaparecido, conforme descrito na bula que acompanha o seu medicamento, para se certificar de que o fungo desapareceu por completo.

Outros artigos interessantes