• Seu pedido discreto

    Cuidado e discrição no seu pedido e fatura

  • Frete grátis para todo Brasil

    Nas compras a partir de R$250

  • Proteção de Dados de Cientes

    Os seus dados estão seguros conosco

Caspa: alternativas para lidar com esse problema

Apesar da caspa ou dermatite seborreica não serem um problema grave, quem sofre com este problema sabe o quanto que pode ser desconfortável. Os indivíduos com este problema sofre pequenas lesões na pele e como ocorre uma descamação fica difícil esconder os efeitos da mesma. É comum que pessoas com caspa estejam sempre preocupadas para não passar um aspecto sujo, fincando assim sempre incomodadas com a sua aparência.

Qual a origem deste problema? Como resolver? Existe tratamento? Leia a seguir e saiba tudo!

O que é a caspa ou dermatite seborreica?

Caspa também pode ser chamada de eczema seborreico, dermatite seborreica ou somente seborreia. Esta doença é uma infecção não grave que atinge principalmente áreas do corpo onde existe grande quantidade de glândulas sebáceas. O maior problema da caspa não é a gravidade do problema, mas sim o incomodo que causa.

Normalmente estas lesões aparecem em área onde existe mais sebo e oleosidade, sendo o couro cabeludo umas das áreas mais afetadas, porém ainda podem ocorrer em áreas como peito, rosto e costas. Existem lesões de várias intensidades, sendo que algumas são graves. Embora a maior parte das lesões seja de pequena gravidade, a caspa atinge em torno de 20% das pessoas. No geral a incidência é maior em homens que em mulheres. Ter este problema também não possui nenhuma relação com a falta de higiene, sendo que muitas vezes a intensidade do problema esta relacionado a certos períodos da vida.

Sintomas da caspa

Quando pensamos nos sintomas da dermatite seborreia logo lembramos apenas na caspa, porém as lesões são o maior problema, elas podem causar coceiras e vermelhidão na pele, criando uma situação favorável para que ela descasque. Quando estes tipo de lesão ocorrem em áreas de fácil visualização o constrangimento é ainda maior, levando muitas das pessoas que sofrem com este problema a não saírem de casa.

A dermatite seborreica tem a caspa como sua forma mais visível, isso quando encontramos lesões no couro cabeludo. A descamação das lesões ocorre principalmente em áreas onde existe a grande produção de sebo e oleosidade, aumentando assim a coceira. A caspa pode variar de tamanho de pessoa para pessoa, sendo fina em alguns e mais grossas e maiores nos outros, quando mais coçamos mais fácil é para que ela apareça, isso por estamos expondo ainda mais as feridas.

Não é incomum que a seborreia apareça em outras partes do corpo como costas e peito, sendo que nestes lugares é possível perceber a aparição de manchas avermelhadas, sempre seguidas de descamação. A blefarite seborreia ocorre normalmente nas dobras da pele, sendo um uma manifestação diferente da seborreia. Estes tipos de lesão podem se alastra pelo corpo e atingir áreas mais extensas, se tornando um problema mais sério.

Um fator importante sobre a dermatite seborreia é que ela pode aparecer com diferentes intensidades durante o ano, por exemplo períodos mais quentes ou frios e também dependendo do nível de stress da pessoa..

Causas das caspa ou dermatite seborreica

Apesar de existirem vários estudos a respeito da caspa, ainda não se por afirmar com certeza o que causa o problema. Como existe um aumento na produção de sebo em todas as pessoas que tem o problema, a ciência acredita que o problema não esteja realmente nas glândulas, porém esta clara a relação entre as lesões da seborreia e a glândulas sebáceas, isso ocorre por que sempre que a caspa ocorre, na mesma área existe uma grande concentração de glândulas sebáceas.

Diferente de ser o problema, o que a ciência acredita hoje em dia é que as glândulas sebáceas criam as condições ideais para o surgimento da dermatite seborreica. Ou seja, a produção de sebo, acaba gerando um ambiente favorável para o aparecimento de fungos que se alimentam de pele morta, dando origem a caspa.

Mesmo o aparecimento deste ambiente favorável e mesmo com o surgimento de fungos, vai depender do nosso organismo e da resposta imunológica do mesmo, sendo isso determinante para que surja ou não a caspa.

Como acabar com a caspa - tratamento natural

Infelizmente não existe uma cura definitiva para a dermatite seborreica, porém a boa noticia é que existem alguns tratamentos bastante eficazes que mantém o problema sobre controle. Shampoos anticaspa como Dandrene , são os produtos mais conhecidos para combater a caspa, tendo resultados satisfatórios na maioria dos casos. É claro que existem várias intensidades de caspas e por isso devemos saber que estes produtos podem ter uma eficácia variável dependendo do tamanho do problema.

As principais funções dos shampoos anticaspa são a diminuição da coceira, da oleosidade, do odor e consequentemente o numero de flocos de caspa que aparecem. Como estes produtos agem ajudando a diminuir a oleosidade do couro cabeludo e também do sebo, eles criam um ambiente não muito propicio a proliferação dos fungos.

Apesar de ser muito simples e eficaz o uso de shampoos no combate a dermatite seborreica deve levar em conta alguns fatores. Caso o resultado não seja o desejado, mesmo após tentar produtos diferentes é recomendado procurar um médico dermatologista, somente o ele conseguirá fazer uma avaliação mais profunda e entender exatamente qual o problema.

Quando nos deparamos com lesões em outras partes do corpo, os produtos mais indicados são cremes e loções, que ajudam a atacar o problema. Normalmente estes produtos contém antifúngicos e corticoides.

Sempre lembrando que a dermatite seborreica não é contagiosa, sendo que não devemos evitar contato com outras pessoas com medo de contagio.

Remédio caseiro para caspa

Como a maioria dos problemas que nos afeta, a caspa também conta com um grande numero de soluções caseiras para resolver o problema. Apesar de não possuírem comprovação cientifica muitas pessoas optam por estas soluções. Confira abaixo algumas delas.

Vinagre de maçã: Utilize duas colheres de agua e duas de vinagre de maça, juntamente com 20 gotas de óleo de melaleuca. Com esta mistura massageie o couro cabeludo por alguns minutos, após isso basta retirar o produto lavando a cabeça com um shampoo suave.
Azeite: Com o azeite ligeiramente aquecido, aplique no couro cabeludo e enrole o cabelo com uma toalha. Deixe fazer efeito por 45 minutos, lavando com agua morna após este processo. O Azeita ajuda a hidratar e tratar a caspa.
Óleo de coco: Basta fazer uma mistura de partes iguais de óleo de coco e suco de limão, com a mistura pronta, massageie o cabelo e deixe em repouso por 20 minutos. Enxaguar após passado o tempo.
Suco de couve: Bata uma maça, uma folha de couve e meio copo de agua no liquidificador. Se estiver muito amargo, acrescente um pouco de mel no suco. Pronto agora basta beber, este suco vai ajudar a combater a oleosidade do couro cabeludo e também promover a limpeza do organismo.
Chá de carqueja: O chá pode ser feito e consumido da forma que você preferir. A grande vantagem deste chá é que ele limpa o organismo, purificando o sangue e mantendo a oleosidade do couro cabeludo sobre controle.

Cuidados com o couro cabeludo

O cuidado com o couro cabeludo não deve se limitar apenas aos produtos anticaspas e soluções naturais, somente quando nos deparamos com a dermatite seborreica, isso por que um cuidado mais amplo com a cabeça pode ajudar a evitar a caspa e outros problemas. A falta de cuidado com o couro cabeludo pode resultar em problemas não só de caspa, mas no cabelo em si, deixando ele quebradiço, com queda e mais oleoso.

Outro ponto que devemos considerar é que com a quantidade de produtos disponíveis para os cabelos, muitas pessoas acabam exagerando na quantidade de químicos que aplicam no couro cabeludo, isso acaba contribuindo para irritar o couro cabeludo e facilitar o aparecimento da caspa.

Na verdade o grande segredo em ter um couro cabeludo saudável é ter equilíbrio, nos sabemos que muitas vezes é inevitável o uso de produtos químicos nos cabelos, porém tudo esta em saber dosar aquilo que você utiliza. Existem muitos produtos naturais que vão te ajudar a recuperar seu cabelo e manter a caspa sobre controle, sendo que o equilíbrio vai lhe trazer um couro cabeludo saudável.

Veja estas dicas para manter o seu couro cabeludo saudável:

  • Evitar o sol;
  • Evitar abusar do secador de cabelo que pode estimular a caspa;
  • Não dormir com o cabelo molhado;
  • Evitar deixar condicionadores no couro cabeludo;
  • Manter uma alimentação equilibrada e hábitos de vida saudáveis.
  • Lavar o cabelo com água morna para evitar a oleosidade;